Quem sou eu

Minha foto
Brumadinho, MG, Brazil
Ivani Ferreira é professora e blogueira . Possui graduação em Letras pela Faculdade Asa de Brumadinho (2006), Normal Superior pela Universidade Federal de Montes Claros(2005), especialização em Psicopedagogia pela Universidade Federal Castelo Branco (2007), Supervisão Pedagógica pela FINON (2008). Professora efetiva na rede Municipal de Brumadinho desde 2005, porém, atua na rede municipal com turmas da Educação Infantil , Ensino Fundamental 1 e 2 , desde o ano de 2002. Trabalhou como supervisora pedagógica na Escola Municipal Leon Renault- Brumadinho/MG (2013- 2016). Atualmente trabalha como professora da Educação Infantil na EMEI Nair das Graças Prado em Brumadinho/MG. Sejam bem vindos(as)!!!

domingo, 20 de março de 2011

Atividades para o 5º ano


 ATIVIDADES PARA O 5° ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL
Nome: ________________________________________________

Português

UMA DAS MARIAS

Um dia, Maria chegou em casa da escola, muito triste.
— O que foi? — perguntou a mãe de Maria.
Mas Maria nem quis conversa. Foi direto para o seu quarto, pegou o seu Snoopy e se atirou na cama, onde ficou deitada, emburrada.
A mãe de Maria foi ver se Maria estava com febre. Não estava. Perguntou se estava sentindo alguma coisa. Não estava. Perguntou se estava com fome. Não estava. Perguntou o que era, então.
— Nada — disse Maria.
A mãe resolveu não insistir. Deixou Maria deitada na cama, abraçada com o seu Snoopy, emburrada. Quando o pai de Maria chegou em casa do trabalho a mãe de Maria avisou:
— Melhor nem falar com ela...
Maria estava com cara de poucos amigos. Pior. Estava com cara de amigo nenhum.
Na mesa do jantar, Maria de repente falou:
— Eu não valo nada.
O pai de Maria disse:
— Em primeiro lugar, não se diz “eu não valo nada”. É “eu não valho nada”. Em segundo lugar, não é verdade.Você valhe muito. Quer dizer, vale muito.
— Não valho.
— Mas o que é isso? — disse a mãe de Maria. — Você é a nossa querida. Todos gostam de você. A mamãe, o papai, a vovó, os tios, as tias. Para nós, você é uma preciosidade.
Mas Maria não se convenceu. Disse que era igual a mil outras pessoas. A milhões de outras pessoas.
— Só na minha aula tem sete Marias!
— Querida... — começou a dizer a mãe. Mas o pai interrompeu.
— Maria — disse o pai — você sabe por que um diamante vale tanto dinheiro?
— Porque é raro. Um pedaço de vidro também é bonito. Mas o vidro se encontra em toda parte. Um diamante é difícil de encontrar. Quanto mais rara é uma coisa, mais ela vale. Você sabe por que o ouro vale tanto?
— Por quê?
— Porque tem pouquíssimo ouro no mundo. Se o ouro fosse como areia, a gente ia caminhar no ouro, ia rolar no ouro, depois ia chegar em casa e lavar o ouro do corpo para não ficar suja. Agora, imagina se em todo o mundo só existisse uma pepita de ouro.
— Ia ser a coisa mais valiosa do mundo.
— Pois é. E em todo o mundo só existe uma Maria.
— Só na minha aula são sete.
— Mas são outras Marias.
— São iguais a mim. Dois olhos, um nariz...
—Mas esta pintinha aqui nenhuma delas tem.
— É...
— Você já se deu conta que em todo mundo só existe uma você?
— Mas pai...
— Só uma. Você é uma raridade. Podem existir outras parecidas. Mas você, você mesmo, só existe uma. Se algum dia aparecer outra você na sua frente, você pode dizer: é falsa.
— Então eu sou a coisa mais valiosa do mundo.
— Olha, você deve estar valendo aí uns três trilhões...
Naquela noite a mãe de Maria passou perto do quarto dela e ouviu Maria falando com o Snoopy:
— Sabe um diamante?
Luís Fernando Veríssimo, Folha de S. Paulo, Folhinha
Atividades relacionadas ao texto: “UMA DAS MARIAS”
1ª Parte:
Interpretação de texto
1) Por que Maria chegou da escola tão triste?

( ) Foi mal na prova.
( ) A professora gritou com ela.
( ) Uma amiga a desprezou.
( ) Sentia-se sem valor.
( ) Estava doente.
2) De que forma o pai de Maria a ajudou a sentir-se melhor:

( ) Mostrou-lhe que ela era única.
( ) Comprou-lhe uma roupa nova.
( ) Foi ao shopping com ela.
( ) Deu-lhe um presente muito caro.
( ) Saiu com ela para tomar sorvete.
3) O texto é uma narrativa e contém vários diálogos. Que sinal de pontuação foi usado para introduzi-los?

( ) Travessão
( ) Hífen
( ) Vírgula
( ) Aspas
( ) Reticências
4) Substitua a expressão em negrito pelo verbo que mais se aproxime do seu significado na frase:

“Você já se deu conta que em todo mundo só existe uma você?”
( ) Encontrou
( ) Percebeu
( ) Achou
( ) Buscou
( ) Olhou
5) Que substantivos foram usados pelo pai, na conversa com Maria, para que a menina compreendesse o seu valor :

( ) Bonito, precioso
( ) Raro, ouro
( ) Diamante, único
( ) Ouro, diamante
( ) Valioso, único
6) Como ficaria a frase “A gente ia caminhar no ouro”, se a expressão a gente fosse substituída pelo pronome nós?

7) De acordo com o parágrafo 14, que palavras (substantivos) foram substituídos pelo pronome nós na seguinte frase:
“Para nós, você é uma preciosidade...”
( ) Milhões de pessoas
( ) Mil outras pessoas ( ) O papai, a mamãe, o vovô, os tios
( ) A mamãe, o papai, a vovó, os tios, as tias
8) Assinale a alternativa que contenha o adjetivo com o significado oposto ao destacado na frase abaixo:

“... ia chegar em casa e lavar o ouro do corpo para não ficar suja.”
a) organizada
b) asseada
c) arrumada
d) atraente
e) suave

9) Que argumentos usados pelo pai de Maria contribuíam para que Maria mudasse de idéia, de acordo com o texto?






2ª Parte:

Proposta de redação

Coloque-se no lugar de Maria e escreva um texto, em forma de diário, contando como foi o seu dia.




ATIVIDADE DE LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA
 

A revolta das carteiras

No início do ano letivo de 2006, os alunos de uma determinada escola ficaram sem aula. O motivo foi uma manifestação feita por algumas carteiras mutiladas, vítimas do vandalismo provocado pelos alunos no ano anterior.
        Elas saíram em passeata e cada uma levava um cartaz em que demonstrava a sua indignação. Alguns cartazes diziam:
1º - Por que me abandonaste?
2º - Será que é para isso que você vem à escola?
3º - Você me deixou inválida.
4º - Esta é a recompensa que recebo por ter te amparado durante anos.
5º - Eu estive presente com você em todas as aulas.
6º - Enquanto você vai seguir em frente eu serei esquecida num canto.
7º - Que destino cruel!
8º - Você me deixou aleijada, outros iriam precisar de mim.
9º - Eu te ajudei até nas colas.
10º - Na hora de suas angústias, eu amparava sua cabeça.
11º - Você acabou comigo antes do fim do ano.
12º - Suas lágrimas já escorreram sobre mim, hoje quem chora sou eu.
13º - Ontem eu era conforto, hoje sou um perigo.
14º - Guardei até seu chiclete mascado.
15º - Fui cadeira, carteira, cama e até escada.
16º - Às vezes, apanhei do professor para que você calasse a boca.
17º - Fui usada até como instrumento de percussão.
18º - Este é o pagamento que recebo por ter te acolhido?
19º - As mãos que escrevem são as mesmas que quebram...  
Arnaldo Rodrigues – Jornal Circuito – março de 2006

INTERPRETAÇÃO DO TEXTO (Responda no caderno)

1) Que outro título você daria para este texto?
2) Quantos cartazes havia nesta passeata?
3) Quando e por que houve esta manifestação?
4) Quem é o autor deste texto e quando foi publicado?
5) Que recado você mandaria para os alunos desta escola?
6) O que você entendeu com a mensagem do 6º cartaz?
7) Se você fosse diretor desta escola que providências você tomaria em relação a esse vandalismo?
8) Na sua escola acontecem problemas como este? Você acha correto? Por quê?


ESTUDO DO VOCABULÁRIO
1 - Reescreva as frases abaixo trocando a palavra marcada por uma de igual sentido (sinônimo), se quiser peça ajuda ao dicionário:
a) O motivo foi uma manifestação feira pelas carteiras mutiladas.
b) As carteiras foram vítimas de um vandalismo provocado pelos alunos do ano anterior.
c) Na hora de suas angústias  eu amparava sua cabeça.
d) Você me deixou inválida.
2 – Reescreva o trecho abaixo trocando as palavras marcadas pelo antônimo (contrário):
a) No fim do ano letivo de 2006, os alunos de uma determinada escola ficaram sem aula. O motivo foi uma manifestação feita por poucas carteiras mutiladas, vítimas do vandalismo provocado pelos alunos do ano anterior.
ESTUDANDO GRAMÁTICA
1 – Passe todas as palavras do 8º cartaz para a ordem alfabética.
2 – Passe a frase a seguir para o plural: "Às vezes apanhei do professor
para que você calasse a boca".
3 – Retire do texto o que se pede:
a) 3 palavras com acento gráfico
b) uma frase interrogativa
c) uma frase exclamativa
d) uma palavra cujo sinônimo é rebelião
4 – Circule os verbos nas frases abaixo e coloque o tempo verbal em que
 ele se encontra:
a) Eu te ajudei ate nas colas. ___________________________
b)Você deixará a carteira inválida
c) Guardo até o chiclete mascado
5 – Crie uma frase com as seguintes palavras: ano – carteiras – escola                 - abandonei




ATIVIDADE DE MATEMÀTICA
1 - Se no município de Brumadinho há 40 escolas com 460 carteiras em cada uma. Responda as questões abaixo:
a) Qual é o total de carteiras existentes no município de Brumadinho?
b)Escreva  o numero  que você encontrou e escreva-o por extenso:
c)Dê o antecessor e o sucessor do número encontrado :
d) O numero de carteiras do município é par ou impar?
e) Decomponha este numeral de 2 formas.
f) 4/5    das carteiras do município são novas.Quantas carteiras são novas? Quantas carteiras são velhas?
2 - Na escola onde houve esse vandalismo a secretaria fez um orçamento das carteiras compradas e carteiras danificadas no 1° semestre do ano de 2005. A tabela abaixo mostra esse orçamento:
meses
carteiras compradas
carteiras danificadas
fevereiro
140
60
março
120
30
abril
80
10
maio
200
20
junho
180
50
julho
20
1
Com base neste orçamento responda:
a)Quantas carteiras foram compradas no 1º semestre do ano de 2005?
b)Quantas carteiras foram danificadas pelos alunos no 1º semestre de 2005?
c) Se no 2º semestre a escola comprasse a mesma quantidade de carteiras do 1º semestre. Ao final do ano de 2005 quantas carteiras teriam sido compradas?
d) Crie um gráfico de barras utilizando os números de carteiras danificadas.

3 - Complete o mosaico escrevendo os fatos e depois faça o que se pede:
- Colorir de vermelho os quadrados.
- Colorir de azul os hexágonos.
- Colorir de amarelo os triângulos











4 – Observe a legenda com os resultados das operações:
386.724
284
28.714
207
983.724
98.764
T
R
A
I
C
E
Agora resolva as operações e descubra a palavra chave:


a) 836.428 + 147.296 = 
b) 4.102 x 7 =
c) 1.000 – 716 =
d) 32.227 x 12 =
e) 197.528 : 2 =
f) 1.863 : 9 =
g) 7.240 -6.956 =
h) 18.135 + 29 + 10.550 =


a) Leia a palavra chave e coloque-a aqui: _____________
b) Qual é a sílaba que representa 1/3 de início da palavra? ___________
c) Qual é a fração que representa o restante das silabas? _____________

Nenhum comentário:

Postar um comentário