Quem sou eu

Minha foto
Brumadinho, MG, Brazil
Ivani Ferreira é professora e blogueira . Possui graduação em Letras pela Faculdade Asa de Brumadinho (2006), Normal Superior pela Universidade Federal de Montes Claros(2005), especialização em Psicopedagogia pela Universidade Federal Castelo Branco (2007), Supervisão Pedagógica pela FINON (2008). Professora efetiva na rede Municipal de Brumadinho desde 2005, porém, atua na rede municipal com turmas da Educação Infantil , Ensino Fundamental 1 e 2 , desde o ano de 2002. Trabalhou como supervisora pedagógica na Escola Municipal Leon Renault- Brumadinho/MG (2013- 2016). Atualmente trabalha como professora da Educação Infantil na EMEI Nair das Graças Prado em Brumadinho/MG. Sejam bem vindos(as)!!!

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Dicas para análises de avaliações/ provas

Como analisar uma  AVALIAÇÃO?


1)   Quais os aspectos que você observa quando analisa uma avaliação?

·        Clareza
·        Objetividade
·        Letras (fonte) compatível
·        Organização
·        Apresentação
·        Se está de acordo com o planejamento e a turma.
·        Diversidade de questões
·        Questões criativas e prazerosas
·        Tamanho e quantidade de questões.
·        Enunciados bem elaborados.

2)   O que você orienta aos professores na elaboração de questões dissertativas (abertas)?

A melhor maneira de utilizar este tipo de questão é propor um problema autêntico, com dados e informações, para que o aluno construa uma explicação. Este cuidado faz com que os alunos procurem utilizar conceitos e conhecimentos esperados, limitando assim a abrangência da resposta.
Fuja de questões como “o quê você acha”, “em sua opinião” e outras questões amplas demais como “discorra sobre tal assunto”. O aluno precisa articular o que ele sabe, mas precisa também entender o que você quer dele. O direcionamento nesse tipo de questão é fundamental.

3)   O que você orienta aos professores na elaboração de questões objetivas (fechadas)?

·        Permite incluir vários assuntos numa só prova e os alunos até arriscam acertar quando não sabem o que foi pedido, na sorte.
·        Mas devem ser elaboradas com precisão e quantidade adequada de opções para resposta.
·        Ter muito cuidado com imagens nas provas que devem ser claras e evidentes com a questão.




4)   Com relação a quantidade de questões e a valorização, qual a sua orientação?


*Não gosto de provas extensas.
*Mas é necessário equilíbrio entre valorização e quantidade de questões.
*Quanto à valorização priorizo muito a faixa etária e também nível de turma.
*Devido imaturidade de muitas crianças é preciso estar atentos a valorização que aponte o real nível de aprendizagem de cada um.



5)   Com relação ao conteúdo da avaliação, o que você observa e orienta?

     As avaliações devem conter o conteúdo estudado, o que também precisa ter transdisciplinariedade.
  Ver textos como fonte de construção em qualquer disciplina.


6)   O que não precisa conter numa avaliação?

 *Questões de caça-texto
 * Questões somente abertas.
 * Pegadinhas
 * Falta de objetivo em questões.
 *Questões que cobrem a mesma coisa ou que respondam outras da atividade.
*Muitas  questões de opinião pessoal.



7)   No momento da correção da avaliação, o que você considera importante?

   *Análise das respostas das crianças e valorização do que a criança fez com coerência.


8)   Após a correção da avaliação o que você orienta?

 *Que a professora analise com a criança o que ela errou.
  Avaliação como fonte de construção nos anos iniciais.
 




Nenhum comentário:

Postar um comentário