Quem sou eu

Minha foto
Brumadinho, MG, Brazil
Ivani Ferreira é professora e blogueira . Possui graduação em Letras pela Faculdade Asa de Brumadinho (2006), Normal Superior pela Universidade Federal de Montes Claros(2005), especialização em Psicopedagogia pela Universidade Federal Castelo Branco (2007), Supervisão Pedagógica pela FINON (2008). Professora efetiva na rede Municipal de Brumadinho desde 2005, porém, atua na rede municipal com turmas da Educação Infantil , Ensino Fundamental 1 e 2 , desde o ano de 2002. Trabalhou como supervisora pedagógica na Escola Municipal Leon Renault- Brumadinho/MG (2013- 2016). Atualmente trabalha como professora da Educação Infantil na EMEI Nair das Graças Prado em Brumadinho/MG. Sejam bem vindos(as)!!!

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Como analisar as avaliações elaboradas pelos professores

LEVANTAMENTO SOBRE ANÁLISE DE AVALIAÇÃO

1)   Quais os aspectos que você observa quando analisa uma avaliação?

Ao analisar uma avaliação, observo a estética, cabeçalho, tipo de letra e as orientações para o aluno. Verifico se as questões  a serem avaliadas, estão de acordo com os conteúdos desenvolvidos na sala de aula e  previsto no planejamento.
Analiso as perguntas me colocando no lugar do aluno e refletindo, se as mesmas, estão claras para tal faixa etária e se estão instigando o aluno, a demonstrar o que apreendeu.

2)   O que você orienta aos professores na elaboração de questões dissertativas (abertas)?

Elaborar  questões/perguntas contextualizadas que ofereçam ao aluno a oportunidade de escrever, demonstrando o que entendeu sobre o assunto.



3)   O que você orienta aos professores na elaboração de questões objetivas (fechadas)?

Elaborar as questões fechadas diversificadas com verdadeiro e falso, marcar com um (x)   alternativas de respostas. A B e C.

Que as questões inspirem a confiança na resposta para evitar chute/dedução.


4)   Com relação a quantidade de questões e a valorização, qual a sua orientação?

Sigo as orientações de acordo com as recebidas na agenda do supervisor. Que todos os acertos tenham o mesmo valor, evitando ultrapassar quatro décimos.

Exemplos:

Para avaliações com valorização de 6,0 pontos . sugere-se: 20 acertos com 0,3 pontos.

Para avaliações com valorização de 12,0 pontos.   40 acertos de  0,3 pontos.

Para avaliações de 10 pontos.      25 acertos de 0,4 pontos.


5)   Com relação ao conteúdo da avaliação, o que você observa e orienta?

Priorizar os conteúdos que foram introduzidos e/ou foram sistematizados no bimestre. Que tenham textos e imagens para análise e as questões ofereçam aos alunos um momento de reflexão para que coloquem em prática o que apreenderam.



6)   O que não pode conter numa avaliação?

Questões mal elaboradas, pegadinhas e falta de bom senso.





7)   No momento da correção da avaliação, o que você considera importante?

Além das expectativas quanto aos resultados finais é importante também verificar os caminhos que foram percorridos para chegar a tais resultados.
Observar  por exemplo: o meu aluno é ótimo , porém hoje ele não teve um bom resultado, sendo assim vou dar uma nova oportunidade para que  ele  recupere.
Em caso de dúvida pode pedir para que  determinado aluno explique o que quis dizer naquela questão.
         O aluno pode aprender com a prova/ avaliação que foi feita.

8)   Após a correção da avaliação o que você orienta?


Após a avaliação sugiro que os professores utilizem, as mesmas, para uma analise junto aos alunos, conversando sobre o que foi positivo e negativo e refazendo as questões  nas quais os alunos demonstraram dificuldades.
Para a recuperação paralela, indico para que retorne aos conteúdos e/ou conceitos ainda não apreendidos.





 


Nenhum comentário:

Postar um comentário